Coluna FC10 desta segunda-feira

Nos bastidores da política, em Caruaru, já se cogitam alguns possíveis nomes que podem disputar a prefeitura nas eleições de 2020. A coluna FC10 fará uma análise dos principais nomes que devem disputar a eleição no próximo pleito.

O difícil projeto de reeleição de Raquel Lyra

Na coluna desta segunda-feira (21), vamos falar sobre a atual prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, que comanda o município, em uma gestão que ainda sem grandes realizações. Em um governo de altos e baixos, a gestora enfrentou em 2018, as derrotas de Armando Monteiro, Mendonça Filho e Bruno Araújo, além da baixa votação de Priscila Krause e Daniel Coelho no município, o que comprova a baixa aprovação da prefeita com a população de Caruaru.

A tucana nesses dois anos de mandato, realizou a requalificação do Monte Bom Jesus, investimentos em escolas, calçamentos, iluminação pública e início das obras da Via Parque, que é a principal aposta da prefeita para ter força para sua reeleição. Porém, longe cumprir suas promessas de campanha como a criação de 8 mil vagas de creches, piscinas na zona rural, a mudança da feira da sulanca sem custo para os feirantes, fazem com que a gestora municipal não caía na graça do povo.

Raquel tem tempo recuperar a gestão e conquistar a aprovação da população, assim conquistando força para ser reeleita. Seu atual vice-prefeito, Rodrigo Pinheiro, deve disputar um mandato de vereador. O que pode ser um grande trunfo político para Raquel, que poderá utilizar a vaga para atrair algum pré-candidato para fortalecer seu projeto de reeleição.

NOS BASTIDORES – Douglas Cintra é ventilado como o nome ideal para compor a chapa. Cintra não é muito próximo a prefeita Raquel Lyra, mas numa composição visando fortalecer a chapa da reeleição ele se encaixaria perfeitamente nessa condição. O nome de Douglas traria o apoio de Fernando Rodolfo e evitaria que ambos fossem candidatos contra Raquel, em 2020.

TODOS CONTRA ELA – Depois de vencer Tony Gel na primeira vez que Caruaru teve segundo turno, em 2016, a prefeita contou com o apoio do grupo dos Queiroz, porém, hoje o deputado estadual Zé Queiroz e o deputado federal Wolney Queiroz, formam um amplo grupo de oposição, ao lado dos deputados estaduais Tony Gel e Erick Lessa.

PRECISA TRABALHAR – A prefeita Raquel Lyra irá precisar trabalhar muito até as eleições de 2020, para reverter a desaprovação. Além do controle da máquina, a família Lyra é conhecida pelo grande trabalho no dia da eleição. Ainda que sua gestão tenha seus problemas, ao seu lado a prefeita tem importantes cabos eleitorais, o que faz Raquel ter uma vantagem sobre os adversários no próximo pleito.

PERGUNTAR NÃO OFENDE – Se não conseguir reverter a desaprovação, a prefeita Raquel Lyra irá fazer feito o pai João Lyra Neto e não disputará a reeleição?

Comments