PF realiza apreensão de R$1600 em notas falsas através de denuncia feita pela vítima

A Polícia Federal em Pernambuco, reduziu a termo de declarações e procedeu a apreensão de 08 (oito) cédulas de R$ 200 reais, perfazendo um total de R$ 1.600 (mil e seiscentos reais) recebidas por um administrador de 60 anos, natural e residente em Camaragibe/PE, o qual havia colocado à venda 11 (onze) refletores metálicos de 400 watts cada um, numa página do facebook. Uma mulher se interessou pela compra e compareceu na residência do empresário no dia 02/10 por volta das 14h, acompanhado de um homem num veículo Fiat Toro com o objetivo de pagar e levar os equipamentos colocados à venda. O pagamento então foi efetuado com 08 (oito) notas de R$ 200 reais, o produto foi entregue e só depois que os compradores foram embora, o empresário percebeu ao conferir as notas que elas eram falsas por causa da numeração que estavam repetidas na maioria delas.

Ao tomar conhecimento que havia sido enganado, o administrador procurou a Polícia Federal no dia 08/10 e entregou todas as notas falsas, bem como as conversas que manteve com os falsários até a conclusão da venda e recebimento das notas. As investigações da Polícia Federal vão se debruçar em identificar e responsabilizar criminalmente os dois suspeitos que repassaram as notas falsas, causando prejuízo ao administrador. Quem repassa nota falsa poderá ser autuado em flagrante pelo crime contido no artigo 289 § 1º do Código Penal (introduzir em circulação nota falsa) e se condenado poderá pegar penas que variam de 3 a 12 anos de reclusão, além de multa.

DICAS DE SEGURANÇA PARA EVITAR O RECEBIMENTO DE NOTAS FALSAS:

1. CONHEÇA BEM A NOTA VERDADEIRA: Geralmente pessoas que lidam diariamente com dinheiro, como os caixas de banco e comerciantes, sabem facilmente identificar uma nota falsa – essa experiência em manusear diariamente o dinheiro verdadeiro faz com que eles se tornem especialistas em identificar notas falsas.
2.COMERCIANTE: NÃO TENHA PRESSA NO ATENDIMENTO: Geralmente essas notas são passadas em locais de grande concentração de pessoas, feiras, lojas, supermercados, comércio ambulante, e muitas vezes a pressa do comerciante para atender um maior número de clientes faz com que ele não tome o devido cuidado em verificar a nota que está recebendo.
3-VERIFIQUE SE AS NUMERAÇÕES DAS NOTAS NÃO SÃO IGUAIS: Ao receber duas notas de igual valor verifique se as numerações não são iguais, os falsários não costumam fazer notas falsas com numeração diferente porque isso acarreta em custos com impressão por ter que mudar a matriz da impressão.
4. OBSERVE A TEXTURA DA NOTA: Outra cautela que pode ser tomada é reparar na textura do papel das notas que estão sendo recebidas, as notas falsas tendem a ser lisas, enquanto as notas verdadeiras são ásperas e possuem um alto relevo e saliência nos itens de segurança que pode ser percebido pelo tato. Sinta com os dedos o papel e a impressão.
5. OBSERVE A IMPRESSÃO DA NOTA: Nas cédulas legítimas, as tonalidades de cores são firmes – as notas falsas têm cores com pouca nitidez e costuma haver borramento das cores.
6. VERIFIQUE A MARCA DÁGUA COLOCANDO A NOTA CONTRA A LUZ:
7. NO CASO DE DÚVIDA, COMPARE A NOTA SUSPEITA COM UMA NOTA VERDADEIRA.
8. BAIXE O APP GRÁTIS “DINHEIRO BRASILEIRO” NO SEU SMARTPHONE: O aplicativo que foi desenvolvido pelo Banco Central não analisa a autenticidade da cédula, apenas ajuda a identificar, conhecer e onde se encontram os itens de segurança tais como: fio de segurança, quebra-cabeça, micro-impressões, marca d’agua, número escondido e que muda de cor, alto relevo, elementos fluorescentes.

Comments